10
Ago
07

Haven Denied

   

Os Haven Denied têm agendado para 15 de Setembro um concerto no Campo da Vinha, em Braga.

Para quem não conhece este projecto, ele iniciou seu percurso decorria o ano de 1999, pela mão de Ricardo Cotrim (teclado), Ricardo Caldas (bateria), Miguel Loureiro (baixo), Jorge Vilela (guitarra/voz). As afinidades entre os fundadores permitiram que se estabelecesse uma primeira linha de rumo para a recém-formada banda: a comunicação de um ideal através da música. Ao longo de três anos de busca de uma identificação e de uma unidade conceptual para o grupo surgiram as primeiras composições e os primeiros concertos, num percurso de maturação.

O nome dado à banda “Haven Denied” surgiu para transmitir a ideia de que a música é um refúgio (Haven) nunca eterno, por isso negado (Denied).

Chegados à finalização da implementação do projecto com uma linha definida, ocorreu o primeiro revés, com a saída do baixista. A ruptura originou uma redefinição dos métodos de trabalho. Entretanto, a necessidade de encontrar uma nova voz foi consensual entre os restantes membros. Acaba por acontecer no final de 2001, com a entrada de Luís Cerqueira.

Já em 2002, juntou-se ao projecto um novo baixista, Marcos Rangel. A sedimentação do grupo exigiu a procura de um espaço próprio que se concretizou através da construção de um estúdio, oferecendo assim, mais condições de trabalho. Todavia, a história de Haven Denied acaba por voltar à experiência de ver a saída de mais um dos seus elementos, mais uma vez o baixista. Episódio que se repete com guitarrista Jorge Vilela, pouco depois. Em 2003, a vaga foi preenchida por Henrique Pinto. No ano seguinte, Jimmy ocupa o lugar de baixista.

Com a formação completa, a banda começou a pensar dedicar-se à edição de um álbum. No entanto, surgiu um primeiro percalço neste novo percurso recém iniciado. Mais uma vez, a saída de um elemento – Jimmy – força um hiato, tornando ainda mais urgente a procura de um novo baixista.

A entrada do novo elemento, Simão Vilaverde (baixista), ocorreu em 2005 completando assim a banda. Foi precisamente nessa altura que a vida da banda entrou numa nova fase. A gravação do primeiro álbum começou a tomar forma. Durante a gravação e produção do álbum sentiu-se a necessidade de integrar uma voz feminina – Catarina Caldas. Os dois primeiros singles, Misery e Therina, foram lançados na Internet em meados de 2006, e foram alvo de críticas bastante positivas.

O som da banda caracteriza-se por um metal com influências góticas, extremamente melancólico e melódico ao qual não é alheio facto de a banda ter uma voz feminina.

Podem ouvir o algumas faixas da banda em http://www.myspace.com/havendenied

Anúncios

3 Responses to “Haven Denied”


  1. Agosto 23, 2007 às 3:27 pm

    Permitam-me uma correcção: a banda chama-se HAVEN Denied, não HEAVEN Denied.

  2. Agosto 24, 2007 às 9:06 pm

    E permita-me agradecer-lhe a correcção.

  3. 3 Blue Lilith
    Agosto 30, 2007 às 8:52 am

    Gostaria de deixar uma informação importante.
    Afinal, este concerto não vai decorrer no Campo da Vinha, mas sim na Avenida Central, em Braga.

    Confirmar a informação em http://www.mayspace.com/havendenied e http://www.havendenied.com/forum/
    Obrigada.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: